Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

CÈU

 

 

 

 

 

Não me convém

 

este poema, não me convém,

 

diz tudo o que não sinto agora

 

e não me traz o mar que me acalma

 

Só para dizer que o dia é claro,

 

mesmo quando só vemos a noite.

 

o poema impõe-se e eu sou escravo

 

mas porque há gente e eu sofro,

 

importa dizer que a luz é composta também de ideia,

 

de gente

 

talvez não como ela realmente é,

 

mas como ela se reflecte no nosso rosto.

  

mesmo na solidão a luz é um consolo,

 

porque no seu abraço

 

concluem-se memórias de afectos,

 

que nos lembra os outros

 

que agora não são,

 

já não podem ser

  

e em vez de irem para o céu,

 

porque não luz

 

TAGS:

publicado por anitta às 18:09
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De jts a 28 de Maio de 2008 às 21:31
Oh ANITTA, que beleza de poema, esse seu cantinho, está cada vez mais interessante...
Trás-os-Montes e a cidade de Chaves, estão de parabéns, por ter no seu seio uma criatura assim...
Gostei muito, parabéns.
Um abraço, JTS


Comentar post

.OBRIGADO PELA VISITA

.MAIS SOBRE MIM

.PESQUISAR

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.POSTS RECENTES

. Mãe

. Chove. Há Silêncio

. Dizem que o tempo...

. Coro das crianças:

. Receita para 2017

. Mensagem Pedido de Natal ...

. Historia Antiga

. Ser mulher...

. Sugestões para o Natal

. Mês De Dezembro

totalgifs.com plantas-e-flores gif gif 103.gif
CONTADOR DE VISITAS
free web counter
totalgifs.com natal gif gif 07.gif
totalgifs.com estrelas gif gif 46.gif

.TAGS

. todas as tags

.FAVORITOS

. Lenda

. «Poesia em Rede» - o índi...

. SORTE INFERNAL

. Peregrinaçao

. Chaves - Rua das Longras,...

. O "Texas" em Vidago.

. FALA-ME DE AMOR