Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

ANITTA BARROCO

"AQUAE FLAVIAE"

"AQUAE FLAVIAE"

O assado no Forno de Lenha

 

Um Forno tradicional é geralmente uma construção em barro ou tijolos com uma base lisa onde primeiro se coloca lenha que se deixa arder para o aquece.

 

É uma construção, que se pode fechar e conservar calor em altas temperaturas, para assar (ou “cozer”) pão, bolos ou outro tipo de alimentos.

 

 

 

 

 

A Sr. Adélia, e a sua filha Maria.

 

 

 

 

 

As carnes assadas, delicias da minha aldeia.

 

Obrigada Sr. Adelia o assado estava uma delicia.

Páscoa da Ressurreição


Herodes, Rei carrasco,
Por Jesus, Rei dizer,
Dos Judeus, causa asco,
Para o trono não perder.

Herodes mobilizou,
Da sua gente cruel,
Guardas exercitou,
Em missão cheia de fel.

Depois de preso, Jesus,
Na praça foi julgado,
Após, pregado na cruz,
Por ter sido culpado.

À morte condenado,
Pilatos o ordenou,
Depois de auscultado,
O "povo" que o penou.

Jesus voltou à vida,
Após a cruel morte,
Por Ele foi sentida,
Não mereceu tal sorte.

Pois Jesus Ressuscitou,
Causou admiração,
Que Ele bem suscitou,
Por Sua Elevação!

Agora, a Páscoa celebremos,
Por em nós, Jesus estar bem presente,
Aleluia! Aleluia! Cantemos!
Para Ele erguemos nossa mente.

 

 

Silvio Teixeira

Nas fraldas do Brunheiro

 

 

Toda a gente devia ter uma pequena vinha, uma horta… e, neste país praticamente despovoado e em pousio, é cada vez mais difícil encontrar recantos cultivados que nos encham olho!


Nas fraldas do Brunheiro, junto à pequena ribeira das Avelãs, surge esta pequena maravilha da viticultura, onde o sol, logo ao nascer, beija as cepas que produzirão as uvas de onde sairá o precioso néctar.


Neste excelente espaço, o popular “Neves” conseguiu contrariar o fantasma do abandono agrícola e criou aquilo a que podemos chamar um belo recanto, ninho de variadas e excelentes castas, ( Merlot, Syrah, Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Barroca, Tinta Roriz, Trincadeira, Cabernet Sauvignon, Pinaud Noir, Chardonnay, Malvasia Fina, Fernão Pires, Códega, Viosinho e Arinto…), todas elas devidamente identificadas no primeiro poste dos muitos que formam os valados que compõem a sua maravilhosa vinha.

Aqui nada é feito ao acaso, sendo o local visitado e os trabalhos orientados por pessoas experientes, onde não faltou a preciosa ajuda do amigo de Ribadávia, enólogo de profissão.

É aqui, numa adega bem apetrechada de pipas e cubas cheias com os variados vinhos nela produzidos, que o Neves se revê, e onde, junto com os seus amigos, diariamente e, principalmente durante os fins-de-semana, se reúnem em animadas tertúlias e avantajadas “merendolas”.  


Com certeza que isto que o Neves conseguiu, seria um exemplo a seguir, e assim poderíamos realmente chamar ao nosso pequeno Portugal, “ Um Jardim à beira mar plantado”!

 

Bem haja Neves por tão excelente ideia e ainda melhor trabalho!!!!

 

 

 

Texto: Fernando Barroco

Imagens: Eduardo Cambra

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D