Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ANITTA BARROCO

"AQUAE FLAVIAE"

"AQUAE FLAVIAE"

História do menino que ficou pequenino como um ratinho....

Era uma vez um menino, um menino que por acaso era muito parecido com o antoska. Comia muito bem porque queria crescer depressa e ficar muito alto. Ia para a cama sempre cedo apesar de gostar muito de ver o canal panda nunca fazia birras. Ele sabia que comer bem e dormir cedo faziam crescer. Mas uma vez e por causa de uns desenhos animados novos o menino não quis ficar na cama dele. Chorou e gritou tanto que o pai do menino acabou por ir buscá-lo. Nessa noite o menino ficou acordado até muito tarde. No outro dia de manhã o menino que até era parecido com o antoska, acordou muito mal disposto e não queria comer. Não quis os cereais que ajudavam a crescer e a ficar muito alto. Nessa noite voltou a não querer ir para a cama cedo por causa dos desenhos animados que por acaso eram horríveis. Quando a mãe dele lhe estava a vestir o pijama parecia que sobrava tecido. Era quase como se o menino estivesse mais pequeno.... O menino deitava-se agora sempre tarde. Nunca queria comer porque dormia pouco e ficava com a birra. Passados uns dias o menino estava mesmo mais pequenino. A roupa estava toda grande. E ele começou a ficar preocupado. Mas continuava a ficar acordado a ver os desenhos animados que eram horríveis. Uma vez acordou muito, muito pequenino. Ia para a escola dele e as pessoas não o viam. Quase o pisavam. Estava pequenino como um ratinho branco. Ele começou a chorar e foi para casa. Então os pais dele pegaram-lhe ao colo. Deram-lhe um grande abraço e disseram...

Sabes porque estás assim tão pequenino? Pequenino como um ratinho? Nós não te dissemos nada porque és um menino muito inteligente. Deixamos que ficasses a ver televisão até muito tarde. Não comias nada porque estavas sempre com a birra. Se queres ajuda, tens que pedir!

Então o menino começou a chorar muito e disse...

" meus pais, ajudem-me. Eu quero ser grande!"

Está bem. Esta noite vais para a caminha cedo.

E assim foi. De manhã o menino comeu um grande prato de cereais. Brincou cheio de energia, mas estava triste. Continuava pequenino. Mas agora já não era preciso os pais mandarem-no para a cama cedo. Quando o menino que por acaso era parecido com o antoska acabava de jantar, brincava um bocadinho com a mãe e o pai dele e ia para a cama dormir. E assim sem mais nem menos ele estava maior. Não demorou muitos dias até o menino ficar crescido outra vez. E o melhor é que ele andava a comer tão bem, e a dormir sempre cedo que as calças dele ficaram pelos joelhos! Então o menino que era muito inteligente percebeu...

"mamã, papá, obrigado..."

Obrigado por quê? perguntaram os pais

vocês ensinaram-me que se os meninos forem para a cama sempre cedo, acordam fortes cheios de fome e crescem muito depressa. Nunca mais me vou esquecer desta lição. Eu julgava que vocês queriam ficar sozinhos a ver televisão. Mas afinal só queriam que eu crescesse forte e saudável. Muito obrigado meus pais.

 

 

Autoria Carla Bandos

2 comentários

  • Imagem de perfil

    anitta 10.12.2008 20:31

    olá Carla fiquei feliz em saber que foste a autora de esta história e com certeza eu vou modifica-la e dizendo quem é o verdadeiro autor de esta história.. obrigada pelo comentário.

    Anabela
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D